• Sunalizer

8 erros que devem ser evitados ao instalar energia solar.


Em muitas das conversas que temos com nossos clientes, percebemos que as pessoas estão muito animadas para instalar painéis solares em seus telhados, ou em suas empresas, ou para bombeamento solar em seu campo, e eles olham apenas para as partes positivas de tecnologia e indústria.


O problema é que como nunca instalaram e não conhecem muitas pessoas que instalaram, não sabem quais são os principais erros que cometem na hora de alugar e instalar painéis solares.


A instalação de painéis solares não é um processo complicado, mas não é tão fácil quanto instalar uma lâmpada em casa. Para conseguir uma instalação adequada do painel solar, é importante conhecer os principais erros que se cometem na contratação de uma instalação solar:


1. Não entender a lei


O principal objetivo da energia solar para autoconsumo é reduzir a nossa fatura de eletricidade e o consumo de energia da rede, sendo nós os produtores. Mas para entender a economia real que podemos ter em nossa casa, é importante entender como funciona.


No nosso país, a lei do autoconsumo tem obrigações diferenciadas em função da potência instalada, da localização e da modalidade de contratação com a distribuidora elétrica, sendo assim importante saber quais são os procedimentos que teremos que fazer e qual a economia máxima que obteremos, principalmente se o seu negócio possui demanda contratada e diferenciação entre o preço da energia em hora ponta e fora ponta, o que exige atenção especial durante o dimensionamento


Não conhecer a lei é um erro muito grande, pois podemos encontrar surpresas que tornem o projeto não lucrativo devido a um dimensionamento errado.


2. Têm expectativas irracionais


Outro grande erro quando as pessoas consideram a instalação de painéis solares é ter expectativas muito altas e irracionais.


Este investimento tende a ter períodos de retorno de mais de 4 a 7 anos em geral e a rentabilidade vai depender do consumo total de energia e do tipo de tarifa disponível, mas se considerarmos um investimento sem subsídios diretos ou créditos fiscais, os parâmetros reais são estes.


Algumas empresas consideram premissas muito otimistas, como por exemplo que o preço da energia vai aumentar 15% ao ano, para que o projeto parece mais atrativo do ponto de vista de retorno, mas sabemos que essa não é uma premissa correta e pode induzir ao erro.


Outra variável que sempre encontramos erros nos dimensionamentos é a degradação dos painéis. Isso mesmo, os painéis solares perdem ano a ano sua capacidade de geração, o que significa que eles vão gerar menos energia e al longo de 25 anos (vida útil dos painéis). Nesse critério a maioria dos fabricantes destes equipamentos garante que a perda é de 0,7% ao ano, sendo assim, se quiser ser um pouquinho mais otimista, podemos considerar 0,5%.


Verifique e compare os parâmetros que estão sendo utilizados nos cálculos apresentados pelas empresas de instalação e em caso de duvidas, pergunte a empresa que está apresentando o projeto.


3. Pensar que existe um tamanho único para todos


Semelhante a comprar uma camiseta ou um par de sapatos, uma instalação de autoconsumo deve adaptar-se a si e às suas necessidades energéticas. Para dimensionar o sistema, é importante saber o uso atual de energia, o comportamento do consumo mensal e as expectativas e objetivos de redução de contas, considerando também planos para o futuro; A família aumentará? Você vai comprar um veículo elétrico? Pensa em instalar mais equipamentos elétricos?


Por outro lado, existe a ideia de que se instalarmos um sistema maior será melhor porque pouparemos mais energia. Isso não é certo.


Isso acontece porque ao instalar mais painéis você vai gerar mais energia do que precisa, gerando assim excedentes que provavelmente nao utilizará nunca na vida, ou seja, gastou para ter mais painéis que não geraram nenhum benefício. Sendo mais direto, você jogou dinheiro no lixo.


Se uma empresa lhe oferecer um pacote de painel solar padrão, desligue o telefone imediatamente. Você provavelmente vai querer instalar mais painéis e ganhar mais dinheiro.


4. Pensar que você pode fazer isso sozinho


Se você é o tipo de pessoa que gosta de fazer as coisas por si mesmo, especialmente se vê isso como uma forma de economizar dinheiro, pode ficar tentado a instalar os painéis solares. No entanto, você sabe quais as dimensões de um painel solar? Você sabe como o suporte é instalado no telhado? Você sabe a espessura do cabo que deve instalar e a proteção elétrica?


Se você não souber a resposta para alguma dessas perguntas, deixe a instalação para os profissionais.


Não é um aparelho que se conecta à rede elétrica e funciona automaticamente. Neste caso, existem seções de cabos e proteções elétricas que devem ser bem calculadas para que não haja nenhuma falha elétrica e possa ocorrer um incêndio.


Além disso, para o processamento das licenças e documentos legais necessários para poder usufruir da compensação de sobras, é necessário um laudo técnico assinado por profissional autorizado (instalador credenciado, engenheiro, etc.).


Por fim, entenda que estamos trabalhando com sistemas elétricos, nos quais temos que cumprir uma série de medidas de prevenção de riscos para evitar o contato direto e sofrer um choque elétrico.


Muitas vezes as pessoas sentem que são treinadas para instalar porque são capazes de fazer outros trabalhos complexos em casa, mas os instaladores de plataformas Sunalizer têm trabalhado com esses sistemas há muito tempo porque entendem não apenas os problemas que podem ocorrer durante a construção, mas também durante a operação.


5. Não pedir vários orçamentos


Não importa o que você esteja comprando, é sempre necessário ter vários orçamentos antes de escolher e tomar a decisão. Sempre haverá empresas que vão tirar vantagem de você e cobrar preços inflacionados por um serviço muito mais barato, fazendo com que você perca tempo e dinheiro no processo.


Portanto, é muito importante obter várias estimativas (pelo menos 3) onde as empresas de instalação discriminam não só os preços, mas o escopo dos serviços, os equipamentos que entregam, o que está incluído e o que não está incluído.


É muito importante que o orçamento leve em consideração a realidade da localização do projeto, a realidade da instalação e tenha feito um bom cálculo do projeto. Muito provavelmente, cada empresa de instalação fornecerá preços diferentes com base em potências diferentes. Para evitar isso, é muito importante que ao solicitar um orçamento o faça considerando a mesma potência para todos. Desta forma, podemos comparar peras com peras.


Por ter vários orçamentos saberá que não está pagando um preço nem muito alto nem muito baixo (parece estranho dizer que o preço é muito baixo, mas nem sempre é barato é o melhor. Veremos mais tarde).


Depois de receber as estimativas, é importante entrar em detalhes e pedir às empresas que expliquem o orçamento ponto a ponto, pedindo esclarecimentos em todos os pontos. Sem medo.


Se uma empresa de instalação não puder oferecer uma explicação válida para as perguntas ou estiver chateada, é melhor deixar para lá. Se você está nos dando problemas antes de começar a trabalhar, a instalação pode ser um verdadeiro pesadelo.


No Sunalizer conseguimos padronizar isso através de nossa plataforma, onde as pessoas podem solicitar orçamentos de forma padronizada para sua casa e no caso de precisar de orçamentos para uma empresa ou um campo agrícola, o processo é um pouco mais complexo mas oferecemos serviços especiais para este tipo de projeto.


6. Escolher a proposta mais barata


Já o comentamos em mais de uma ocasião e é evidente, uma instalação de painéis solares tem que ser rentável e a rentabilidade solar aumenta quanto menor for o valor investido e maior for o benefício obtido.


Mas, depois de recebermos as cotações, é um erro tomar a decisão apenas com base no preço.


Como com qualquer outro produto, a suposição de que um sistema barato funcionará tão bem quanto um sistema de boa qualidade é falsa. Ao instalar e alugar equipamentos baratos, você geralmente obterá o que pagou. Algo que pode causar problemas no futuro.


Por isso é importante analisar a qualidade do equipamento, as garantias dos fabricantes, o que está incluído ou não incluído, a forma de ancoragem à cobertura para evitar fugas, os ensaios e verificações eléctricas que irão efectuar, a qualidade do serviço durante o serviços de construção e pós-venda que a empresa de instalação nos oferecerá (esses projetos devem durar pelo menos 25 anos) e uma série de outras características.


Todos os aspectos são importantes e na hora de escolher não podemos confiar apenas no preço. Temos que analisar todas as características e tomar a decisão escolhendo a melhor opção do mercado.


7. Não saber ou entender o que você está comprando


O mais normal é que você instale painéis solares apenas uma vez na vida para que não tenha um conhecimento profundo sobre tecnologia (neste post você pode ler um pouco sobre isso) e seria muito triste cometer o erro de supor que você entende tudo relacionado a a indústria (mesmo aqueles de nós que trabalhamos nisso por toda a vida continuamos a aprender a entender os avanços que ocorrem todos os dias).


E um dos erros mais comuns é não entender o que estamos comprando. A qualidade dos painéis solares é boa ou má? Quais são as garantias do investidor? O instalador inclui todas as autorizações e licenças necessárias? Qual é a qualidade das âncoras e estruturas?


Todas essas perguntas são feitas quando temos orçamentos em cima da mesa para entendermos claramente o que estamos comprando, uma vez que influenciam muitos aspectos do projeto. E é provável que as propostas sejam muito concisas e não forneçam as informações necessárias, sejam ambíguas ou fiquem diretamente sem resposta.

8. Deixe tudo para o instalador


Uma vez que tenhamos optado por uma das propostas, ficamos totalmente ao critério do instalador e seu conselho.


E, em geral, se tivermos feito uma boa análise dos instaladores e escolhido uma boa empresa, não haverá problema. A empresa de instalação cuidará de você para lhe oferecer um serviço de excelência.


Mas sempre pode haver discrepâncias nas obras, no escopo, nos custos, no que está incluído e no que não está. E há empresas que aproveitam a falta de conhecimento do cliente para lhe vender coisas que ele não precisa por um preço mais caro que o normal. Ou para instalar equipamentos mais baratos do que os que foram assinados na oferta argumentando que são tão bons.


No final das contas, é importante ter alguém ao seu lado para nos ajudar nas decisões e nos transmitir as informações de forma transparente. Caso contrário, é possível que o instalador queira nos conduzir ao seu campo para nos convencer de algo que não é o mais adequado ou inteligente.


Em conclusão


Na Sunalizer testemunhamos todos os erros anteriores (e muitos mais que não cabem neste post) mas criamos uma plataforma que ajuda tanto as pessoas que desejam instalar pequenos projetos quanto as grandes empresas a evitar esses erros e pegar os melhores decisões. De forma transparente, resolvendo suas dúvidas e questionamentos a qualquer momento de forma simples e fácil.


Te convidamos a entrar no nosso site, descobrir as vantagens de instalar painéis solares com Sunalizer e garantir o seu investimento com os nossos profissionais.



49 visualizações0 comentário